Domingo, 07 de Novembro de 2010

             

 

 

Melros, marfins, motos,

Mares, moços, magos e moçoilas:

Os olhos observam o gozo

De se viajar á toa.

 

Pérolas, pernas, pedras,

Passos, passados, pastos,

Patos, planaltos, pessoas:

A imaginação --- quando

É libérrimo pássaro ---

Velozmente voa.

 

Córregos, carroças,

Canduras, camelos,

Canções, concertos:

Ouve-se --- em silêncio ---

O inerme som do relógio batendo.

 

Água, assanhaço,

Ábaco, âmago:

Beleza é vê a natureza

Soberanamente reinando.

 

 

Marisa, Maysa,

Maria Rita, Mariana Aydar:

A vossa voz e música

Regozijam-me, cintilam-me o ar!

 

JESSÉ BARBOSA DE OLIVEIRA  


sinto-me: UMA ILHA DE VERSOS MENORES

publicado por liramenor às 12:39
UM MOSTRUÁRIO DA PRODUÇÃO POÉTICA DO BAIANO JESSÉ BARBOSA DEOLIVEIRA ATENÇÃO: TODOS OS POEMAS FORAM REGISTRADOS PELA BIBLIOTECA NACIONAL, SITUADA NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E SE ENCONTRAM SOB A PROTEÇÃO DA LEI DOS DIREITOS AUTORAIS N° 9.610
mais sobre mim
Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
18
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


arquivos
2011

2010

pesquisar neste blog
 
blogs SAPO